Eu, juiz

Minha tia assiste a missas do Padre Marcelo. Pessoas que assistem a missas do Padre Marcelo NÃO podem entrar no céu. Como também não merecem ir para o inferno (são umas coitadas), concluo que o lounge do céu divide-se em pelo menos dois ambientes.

São Pedro: “Olá, minha filha. Lamento, mas aqui tu não podes entrar.”

Tia: “Como?”

São Pedro: “O ambiente para fãs do Padre Marcelo é ali ao lado, antes da escada rolante que desce ao inferno. Os fiéis simplesmente não agüentam fãs do Padre Marcelo, e eu não posso culpá-los por isso. Sabes como é… Então reservamos um espaço razoavelmente agradável para vocês, pois o Mestre acha injusto destina-los ao Caramunhão.”

Quanto aos evangélicos, bem, ainda não consegui decidir se são coitados como os fãs do Padre Marcelo, ou se são merecedores de um destino mais, digamos, cruel.

Advertisements

~ by Evandro Ferreira on March 3, 2009.

One Response to “Eu, juiz”

  1. vim parar aqui via “related posts” do wordpress… logo após escrever um post polêmico sobre algo similar.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: