Vejam esta, do meu dia a dia de tradutor: “Por trás dos símbolos, das ideologias e até das crenças religiosas, podem ocultar-se interesses concretos.”

Notem o paradoxo de que, para o autor, os elementos citados não são interesses concretos. Você ser contra o aborto porque sua religião não permite não é um interesse concreto, mas apenas uma vontade abstrata.

Notem também a sutileza do “até”, subentendendo-se que “até” por trás da religião (que parece algo tão puro e imaculado, mas na verdade não é, etc etc) pode haver interesses escusos. Ah, e, é claro, notem a sutileza da ambigüidade da palavra “concretos”, que convida o leitor a imaginar, maliciosamente, sentidos tais como “verdadeiros”, “econômicos”, “políticos”, “pessoais” etc etc, estes sim interesses “concretos”.

~ by Evandro Ferreira on October 11, 2007.

One Response to “”

  1. Olá Evandro ,
    Para mim surge a desconfiança com: “…Podem ocultar-se…” Para comunicar algo você precisa afirmar e não deixar uma porta aberta para fugir.
    Saudades Stella

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: