107860857008129280

A entrevista do professor Olavo de Carvalho na Top Magazine (n. 62, deste mês) está ótima. Chama-se “Monólogo de um homem só”. Vale ir à banca e comprar (apenas R$ 6,50). Vejam um trecho:

“Nós entramos na história intelectual do mundo na época da Revolução Francesa. E só conseguimos absorver, em partes, o que aconteceu depois disso. O Brasil não consegue captar. Ficou por um lado a ilusão de se europeizar e, por outro lado, a ilusão de romper com a Europa e se brasilianizar. Nenhuma das coisas é possível. Fica essa coisa do internacionalista e do nacionalista, que é um problema que cronicamente volta ao debate e que só mostra a incompreensão da situação. O que tem de ser absorvido não é a Europa, mas a humanidade. E isso ninguém pensou, eles [os intelectuais] só pensam em imitar, chegar ao padrão europeu. E para que serve o padrão europeu de agora? O padrão europeu de agora resulta da história e da evolução deles ao longo de milênios. O que se pode fazer é pegar aquilo que foi criado de importante nos vários setores do conhecimento e que não tem dono. Você começa um país fazendo três coisas: traduzindo a Bíblia, Platão e Aristóteles. Isso não foi feito aqui até hoje. Aqui, ao invés de eles tentarem absorver este legado milenar, eles tentaram absorver o que estava acontecendo naquele momento na Europa. Aquele momento passou. Então tudo que nós absorvemos não serviu para nada. Todo o nosso esforço cultural foi mal dirigido desde o início.”

Além de trechos como este, ainda dá pra rir um pouco com o layout modernoso!

~ by Evandro Ferreira on March 6, 2004.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: