84429713

Hoje é aniversário do meu amor, que está morando longe de mim.

NO ENQUANTO

Neste dia de hoje, minha
tristeza de não ver
é pesar que vira força de andar,
esperar, entrever.

As pedras de não ter seus olhos à tardinha
são ouro que se inscreve
na alma
ao futuro.

Estou, de fantasia sempre,
lá neste reencontro.

Hoje a força, amanhã os olhos
a face a loucura da carne e da alma.

No enquanto, espera.

~ by Evandro Ferreira on November 12, 2002.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: